Licor Frangelico

Licor Frangelico

Frangelico é uma marca de licor que é produzido em Canale, Itália. Foi lançada na década de 80, ganhando atenção principalmente por causa de sua embalagem inusitada: a garrafa foi desenhada para parecer um frade, até mesmo com a corda amarrada na cintura, e a tampa imitando uma careca. É comercializada basicamente em dois tamanhos: a embalagem de 750 ml e a de 375 ml.

Seu sabor é encorpado trazendo o forte gosto da Avelã e suave de álcool.

A origem do Frangelico data de mais de 300 anos, da existência dos primeiros monges Cristãos vivendo nas montanhas do Norte da Itália. De acordo com Barbero, o fabricante italiano, o nome do licor é baseado na lenda de um ermitão chamado Frei Angelico, que "criava receitas inusitadas para licores." No entanto, a garrafa lembra o hábito de um frade franciscano, enquanto o "xará" do licor, o famoso pintor Fra Angelico, era dominicano, cujas vestes teriam sido brancas e sem a corda.

Frangelico é feito de uma maneira similar a outros licores de nozes: as nozes são moídas e misturadas com cacau, baunilha e outros sabores naturais e então deixadas de molho na bebida alcoólica de base. Quando o álcool já absorveu o sabor dos ingredientes, o licor é filtrado, adocicado e engarrafado. 

Avelãs Tonda Gentile são conhecidas por serem uniformemente maiores, mais gordas e com uma pele que sai facilmente, perfeito para brindar um brinde bem doce e sem nenhum amargo. Seu sabor doce é a razão pela alta procura pelas confeitarias internacionais conhecidas e populares no mundo inteiro. As Avelãs Tonda Gentile, cultivadas em Langhe, em uma área de colinas rurais e aldeias pitorescas no sul do Piemonte, também são usados para obter o destilado para Frangelico. As avelãs uma vez torradas e destiladas com álcool, são misturadas com outras preparações aromatizantes, incluindo cacau, café e baunilha, de acordo com a receita secreta e transformado em mais de 3 milhões de garrafas de Frangelico para a apreciação ao redor do mundo, bem como na Itália país natal.
A Avelã é um dos produtos mais conhecidos da região do Piemonte. O sabor glorioso que faz Frangelico tão especial é a chave para a sua versatilidade e popularidade. Beba-o no inverno e verão; para aquecê-lo ou refresca-lo; curta ou longa; direto ou misto. É delicioso em todos os sentidos.
Como um licor clássico, Frangelico é perfeito depois de uma refeição, puro ou com gelo ou como um complemento para o café. Por pura sofisticação, derramá-lo sobre o gelo com um toque de café quente para uma experiência intensa e refrescante. Mesmo perfeito para misturas fáceis com refrigerantes, suco de laranja, coque ou ginger. Ou praticar suas habilidades de cocktail do jeito que você achar melhor.



Aromas intensos de avelã. Textura rica. Pronunciando mais sabor avelã, delicado, com notas de baunilha e chocolate escuro. Suave, final longo com perfume back-nota. O sabor é conseguido através de um processo “fourstage”. As Avelãs de Piemonte locais são colhidas em grão, torradas e moídas. Elas são então infundidas em uma solução de álcool e água. A infusão de avelã é destilada para produzir um destilado de avelã natural.  O destilado de avelã é misturado com extrato e destilados de sementes de cacau, frutos de baunilha e outros preparados aromatizantes para criar o concentrado de Frangelico. O concentrado é misturado com álcool puro, açúcar e água para se atingir a força necessária para engarrafamento. Em seguida, é guardado em cubas para 6-8 semanas para permitir a mistura para se misturar com o açúcar, finalmente, o Frangelico Licor é engarrafado, rotulado e a corda é amarrada.

Frangelico é uma marca com uma personalidade forte e um fundo interessante que o torna um licor autêntico e refinado. Segundo a lenda, as suas origens datam para antes de 300 anos com a presença de monges cristãos que vivem nas colinas da região de Piemonte, norte da Itália.
Suas habilidades em comida e bebidas incluem a arte de destilar, especialmente o uso das avelãs silvestres e outros ingredientes preciosos para criar receitas de bebidas alcoólicas, como aquele em que se baseia Frangelico hoje.
Seu nome também é parte da mesma lenda local - uma abreviatura de Fra 'Angelico, um monge eremita que acreditam ter habitado as magníficas colinas Piemonte durante o século 18.

Para saber mais: aqui

0 comentários: